Capitulo 08 - Dançando sobre lâminas

Parte 01 – O reencontro

A alcatéia procura respostas. Respostas que possam chegar num ponto central, aonde poderão resolver os problemas de uma vez, para que tudo volte ao seu equilibrio. Afinal, é esse o trabalho que Pai Lobo os deixou, e precisam fazer isso rápido, antes que seja tarde demais para reverter os danos causados. Se há alguém que ainda não se explicou sobre a situação, essa pessoa é Eliza Courtwise. E é ela quem os Urathas vão atrás nesse momento.

Todos entram no veiculo, e parte para Grover Beach, em direção ao museu de Eliza. Chegando ao local, encontram o museu ainda aberto. São 20:00 hs da noite. A movimentação é pequena nessa noite de segunda-feira. Eles adentram ao museu, e veêm Eliza perambulando entre as exposições.

- “Bem vindos de volta !” – Eliza avista-os e caminha na direção dos mesmos. – “Em que posso ajuda-los ?” – Ela diz quando chega mais perto dos companheiros.

- “Queremos que você nos explique por que mandou aquele livro para mim. E também qual sua real ligação com Thomas Baker. Estamos cansados de enrolação.” – diz Akamu, sempre muito direto e às vezes considerado grosso.

- “Claro, vamos ao meu escritório.” – Eliza caminha em direção ao corredor comprido que eles visitaram-na da primeira vez, sempre na companhia de seu segurança, aparentemente russo pelos traços e fisionomia.

Akamu, John e Mark a acompanham, e Jackman e Ícaro preferem dar uma volta pelo museu.


Parte 02 – A – Discussões de pontos de vista.

Ao entrarem na sala, Akamu diz que não se sente a vontade em falar das coisas que vai dizer com o segurança de Eliza do lado, mas ela é irredutivel e afirma para ele não se preocupar, já que ele não fala a língua deles e é treinado para isso, para ficar do lado de dentro da sala, parado ao lado da porta. Com muita resistencia Akamu começa a conversa, perguntando o que Eliza sabe sobre o livro. Ela responde que sabe de tudo, já que foi ela quem o traduziu e escreveu. O hawaiano continua dizendo que encontrou um na casa de Chicago, e ela diz que foi ela quem deu para ele. O papo fica tenso quando Akamu entra no assunto de Tom Baker, dizendo que ela é hipócrita e que usa dos recursos do magnata para fins pessoais. Ela responde dizendo que Tom não quer saber do coletivo, e acaba afetando muito mais coisas do que precisa, sem medir as consequencias. Ela faz isso com intenção de ajudar a cidade contra os objetivos de Baker. Ele então pergunta o que ela sabe sobre o artefato que Tom procura, e ela responde que ele está muito bem guardado, e que ela também o procura, para que o presidente da KROMUS CORP nunca possa colocar as mãos naquilo. Se isso acontecer, pode ser que tudo vire uma verdadeira catástrofe.

O papo lá dentro fica realmente nervoso. Akamu se indigna com Eliza, e esta rebate todas as acusações do Itaehur. Ela revela saber das coisas que acontecem no submundo sobrenatural da cidade, e que veio só com o objetivo de ajudar. As coisas ficam feias quando Akamu a chama de vilã e de egoista, e ela responde para Akamu que já terminou tudo o que tinha para lhe falar, e que tentou ajuda-los a impedir Baker. Se ele não está contente com isso, que tome vergonha na cara e volte quando entender mais sobre as coisas.

Akamu levanta e se dirige até a porta, com os nervos a mil, acompanhado pelos amigos, quando o russo abre a porta para eles passarem e todos ouvem um barulho abafado vindo do museu …


Parte 02 – B – Discussões de pontos de vista.

Ícaro e Jackman caminham por entre as galerias do museu, analisando o local minusiosamente. Jackman repara que as janelas do museu são reforçadas, e parecem ter um sistema de segurança bastante avançado, apesar da maioria das pessoas que tralham ali fiquem sempre do lado de fora do edificio. Ícaro vê algumas peças indigenas, algumas bem valiosas por sinal, dignas de estarem nos maiores museus do mundo. “Porque estão aqui em Temperance ?” – pensa o Irraka quando no anel superior do local, avista o segurança de Eliza perambulando e obervando a parte inferior onde encontram-se os dois.

Ícaro imediatamente acha aquilo estranho, pois acabara de ver eles entrando com o funcionário de Eliza no corredor, e resolve subir as escadas sorrateiramente. Chegando lá, o segurança permanece parado perto de uma parede com alguns colares expostos e postes de contenção com fitas presas, para as pessoas não chegarem próximas aos colares. Jackman dá uma despistada e também sobe, mas pelo outro lado, apenas observando as peças e continuando a tentar descobrir o que mais aquele edificio possui de sistemas de segurança.

O Irraka chega perto do segurança, e usa seu faro, tentando detectar alguma coisa estranha. Seu olfato apuradissimo detecta um cheiro de uma substância da familia dos fenolidios, usados para conservação de matérias vivas em decomposição. Ele então cutuca o segurança, perguntando onde está todo mundo, mas o segurança apenas responde com as mãos, dizendo que não fala o seu idioma. Ele vira-se e continua a observar o museu, quando em sua nuca, Ícaro, aparentemente sem motivos, lhe acerta com um poste daqueles que estavam parados ali.

O segurança mal sente o impacto, o barulho ecoa pelo museu, causando um arrepio na espinha do jovem Uratha, e o russo vira-se, demontrando uma raiva imensa em seu olhar, desferindo um soco na face que Ícaro perde totalmente o senso de direção.

Jackman vê aquilo e corre na direção do amigo, imaginando como vai acertar aquele monstro que acaba de atingir seu companheiro …


Parte 03 – Resistência e Pressão

Jackman corre pelas escadas rolantes, ignorando o movimento de subida automática e pula vários degrais para alcançar a ala superior. Ícaro, que levara o forte golpe daquele brutamontes, desfere uma sequência de chutes e socos no segurança, que parece sentir poucas daquelas pancadas. Quando o ex-policial chega, começa a tentar agarrar o russo, e os dois se engalfinham pelo chão.

John, Akamu e Mark andam de volta pelo corredor, assustados ainda pelo barulho e quando chegam próximos, vêem os dois amigos no andar de cima lutando com o segurança de Eliza. Quando olham para o lado, o mesmo segurança está parado ao lado deles.

“Existem 2” – Pensa Akamu, enquanto John berra para Ícaro e Jackman pararem com a luta desnecessária.

[RESET]

Os dois param de atacar o segurança. E se levantam. Todos voltam para a MOTOROME.

Capitulo 08 - Dançando sobre lâminas

Temperance nabuco